quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Sonhando os sonhos de Deus, capítulo 02



Esquecido na prisão.

A bíblia não nos mostra se José estava já cumprindo pena ou apenas esperando o julgamento, mas sabemos que o tempo passou e ele continuou ali esquecido, mas cuidando da prisão com todo o seu empenho.
No capitulo 40 nos é narrado que o Faraó se irritou com o seu padeiro chefe e com seu copeiro chefe e os mandou para o cárcere, e eles foram parar justamente no local onde José estava e ficaram a seus cuidados, uma manhã depois de cada um deles ter tido um sonho diferente, ficaram apavorados por não saberem qual o significado e tendo contado eles a José ele interpretou o sonho de cada um, e assim como ele havia dito aconteceu o faraó mandou enforcar o padeiro e restituiu ao seu cargo o copeiro e no momento em que José havia lhe revelado o significado de seu sonho também tinha lhe feito um pedido que quando ele voltasse para seu cargo que intercedesse em seu favor para que ele fosse tirado dali, pois ele era um justo e não havia feito nada de errado para merecer estar ali.
Mas quando o copeiro voltou a sua função ao lado do Faraó nem se lembrou de José.
Aqui podemos parar e até dizer assim, esse homem não podia ter feito isso com ele, o copeiro foi muito injusto, mas acontece meus amados que quem cuidava de José não era o copeiro nem homem algum, quem cuidava dele era o Deus todo poderoso.
Não imagine você que hoje isso não acontecesse, isso hoje é mais normal que podemos pensar, quando estão em dificuldades às pessoas prometem qualquer coisa, depois que saem da prova nem se lembram o que falaram, alias no Brasil tem uma classe que adora prometer, prometer, mas quando consegue o que queria nem se lembra do que disse, não vou dizer que classe é, tire suas próprias conclusões.
E se passaram dois anos sem que nada de novo acontecesse ate que.

Quem vai interpretar os sonhos do Faraó?

O faraó rei do Egito teve dois sonhos que o deixaram muito perturbado e então ele decidiu convocar todos os seus magos e encantadores para que lhe dessem a interpretação dos seus sonhos, mas como já era de se esperar nenhum conseguiu, aqui convém explicarmos que estes sonhos que Deus usa como exemplo aqui são para mostrar o quanto José era intimo do Senhor, e Deus o honrava por isso lhe dando a interpretação do que ia acontecer, não acreditamos nestas interpretações de sonhos como são realizadas hoje, cheias de ocultismos e afins, que são praticadas para manipular pessoas, e o que é pior nada tem a ver com Deus.
Continuando nosso texto, todos foram convocados, mas nenhum conseguiu, e ai eu acredito que todos os servos que cercavam o faraó começaram a ficar muito preocupados, pois se ninguém conseguisse interpretar o significado dos sonhos do Faraó muitos servos perderiam suas cabeças e eis que o copeiro esquecido se lembra do jovem que ele conheceu no cárcere e que lhe interpretou seus sonhos acertadamente, e como todos já estavam apavorados com a falta da resposta para o rei ele resolve arriscar e menciona José para o faraó.
Então o Faraó mandou que buscassem José no cárcere, foram o buscaram e o prepararam para entrar na presença do faraó, pois não era permitido entrar na presença dele sem estar devidamente trajado.
O trouxeram ao que faraó lhe contou os seus sonhos e ele os interpretou dizendo que se tratavam os dois de um mesmo fato e que um era a confirmação do outro, que haveria sobre toda a terra sete anos de muita fartura e em seguida sete anos de grande seca que a terra não produziria nada.
E inspirado por Deus ele aconselha o Faraó a durante a primeira parte colher o máximo que podia da terra para ter reservas para os outros sete anos.
E assim termina mais uma fase na vida de José, por causa de um sonho, que alias já tinha mudado sua vida anos antes quando ele mesmo havia sonhado e contado o sonho a seu pai e seus irmãos, sonhos estes que foram o motivo principal de seus irmãos o venderem como escravo.
Mas como ele nunca deixou de ser um sonhador fiel, Deus sempre havia estado ao seu lado e agora depois desta reunião com o Faraó sabe para onde Deus o estava conduzindo?

O segundo homem mais poderoso da terra do Egito.

Como o faraó não conseguia imaginar ninguém mais capacitado que ele para administrar a terra durante este tempo o colocou sobre toda a terra e determinou que no Egito depois de Faraó não havia ninguém mais poderoso que José, que ele chamou de Zafenate-Panéia e lhe deu o seu anel, anel este que significava que na falta do faraó em pessoa o seu anel era o sinal da autoridade máxima que era no caso José.
E novamente ele usou daquilo que Deus havia lhe dado, ate porque ninguém dá do que não possui, e trabalhou com todo o empenho, viajou por toda a terra do Egito preparando a terra para os primeiros sete anos, deu o melhor de si, e por isso Deus o abençoou e como ele era governador do Egito abençoou também todo o Egito.
Vieram os sete anos de fartura e eles estocaram tudo o que podiam, pois foram anos de muitas colheitas, e José à frente cuidando de tudo.
Uma coisa muito importante em José que percebemos aqui é que ele não temia fazer aquilo que Deus dava a direção para ser feito, porque a palavra diz que ele demoliu alguns e construiu novos seleiros para armazenar tudo o que foi produzido.
Consigo ate imaginar o que deveriam estar pensando os invejosos e que não acreditavam que pudesse vir um período de tão grande de seca, eles deviam olhar para todo aquele esforço e achar um exagero sem tamanho.
Por isso eu quero te dizer quando Deus te direcionar para fazer algo para ele não comece imaginando que aquilo que ele te deu para fazer é muito grande e o melhor é fazer algo mais simples e fácil, meu amado se você já passou por uma situação dessas olhe o exemplo do nosso querido José, aprenda com as experiências dele e veja o que Deus tem para fazer.

E eis que chega o tempo do humilhado ser exaltado.

Os sete anos da fartura passaram e então começaram os sete anos de grande seca como Deus havia revelado por sonhos.
E a seca foi muito severa e atingiu não somente a terra do Egito, mas todos ao redor e todos agora vinham ao Egito comprar comida de José.
E como Jacó seu pai que alias imaginava que ele estava morto, pois esta era história que seus irmãos haviam contado a seu pai, ficou sabendo que na terra do Egito havia comida então ele decidiu mandar seus filhos lá para comprar.
Mandou todos exceto Benjamim o irmão de José filho de Raquel, ele não queria perder também este que ele imaginava ser o único filho que sua amada esposa Raquel havia lhe dado.
E então partiram os irmãos para o Egito a fim de comprarem comida.
Chegaram lá e se prostraram aos pés de José para comprar comida, apesar deles não terem o reconhecido ele sabia quem eles eram, pois não haviam se passado mais que 13 ou 14 anos desde que eles o haviam vendido como escravo.
Aqui agora eu fico pensando se nós estivéssemos no lugar de José com todo o poder que ele tinha agora o que faríamos com os irmãos traiçoeiros que lhe desejaram tanto mal a ponto de vendê-lo como escravo
Vemos também na atitude dos irmãos quando José insinua que eles eram espias que tinham ido espiar a terra e os colocou no cárcere e eles começam a se acusar mutuamente logo aparece à culpa do pecado do que haviam feito com o irmão.
Em nossas vidas não é diferente quando a pessoa esta em pecado qualquer coisa que acontece ele cobra seu preço e a pessoa fica se culpando pelo erro cometido.
Seus irmãos retornaram para casa, mas com a recomendação que se voltassem a terra do Egito sem o irmão mais moço ficariam presos.
Ao contar isso para o pai ele não concorda, pois já imaginava ter perdido um filho não iria arriscar perder o outro também.
Mas o tempo passou a comida que haviam comprado acabou, e não sobrou outra opção.
Eles depois de muito argumentar conseguiram convencer o pai a deixar Benjamim ir com eles ao Egito.
E aqui entraremos na parte final da vida de José, o sonhador que sonhou os sonhos de Deus e que por isso foi vendido como escravo, foi injustiçado por uma mulher e jogado na prisão, ajudou servos de faraó interpretando seus sonhos e que foi esquecido pelo copeiro mor durante dois anos, mas o tempo passou o faraó sonhou ele foi o único que interpretou os sonhos do faraó e foi feito governador, fez do Egito o único lugar da terra onde havia fartura de comida durante os sete anos de seca.

Ele se revela aos irmãos

Depois que os irmãos voltaram pela segunda vez a buscar comida ele começou a se preparar para contar a eles quem ele era e acredito que os ficou testando pra tentar ver se ainda eram homem injustos, invejosos e odiosos, ou se tinham se tornado pessoas com o coração quebrantado.
Ele pretendia se revelar e ajudar sua família, mas primeiramente esperava um gesto deles.
Um fato que chama atenção no ato que ele se da a conhecer é a consciência que ele tinha sido enviado aquela terra para que ali naquele momento eles tivessem o que comer, que aquela tinha sido a forma que Deus usou para salvar seu povo escolhido, pois eles eram o povo da promessa.
Olha a diferença de uma pessoa que realmente crê em Deus daquele que vive como o mundo ai fora ensina que é correto. Depois de tudo o que ele havia passado ele poderia estar reclamando, blasfemando dizendo que ele não precisaria ter sofrido tanto, acha que estou exagerando, parece que estou vendo essa cena se estivesse acontecendo hoje, a  pessoa pousando de super crente e dizendo olha estão vendo apesar de vocês ter tentado me matar, apesar de eu ter sido vendido como escravo, e ter passado por tudo o que eu passei eu venci e hoje estou no topo do mundo, agora sou eu quem manda e vocês terão que me obedecer, será que estou errado pensando assim?
Se pretendemos realmente agir como filhos de Deus devemos ouvir aquilo o que o Senhor Jesus disse aos seus discípulos em (Mateus 11:29) - Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. 
Eis a instrução colhida na fonte, porque foi assim que José agiu, com humildade perante com os irmãos depois de se revelar a eles, e nós sabemos meus amados como é difícil alguém continuar humilde depois que alcança o sucesso, chega ao topo, a minoria consegue reconhecer que foi Deus quem o trouxe até ali.
No caso de José ainda havia um motivo maior, que protegendo José Deus estava garantindo a segurança de todo o povo que ele havia escolhido para o servir.

Conclusão.

 Nos capítulos finais do livro de Gênesis vemos toda a família de José indo morar no Egito perto de José.
No final do livro também é relatada a morte de Jacó pai de José e toda cerimônia que foi realizada para o sepultamento dele.
E tem um fato que chama atenção após eles retornarem do sepultamento do pai que é o seguinte eles voltaram de lá apavorados de medo do que José poderia fazer com eles agora que o pai já não era mais vivo o medo deles era que ele retribuísse o que eles haviam feito a ele quando estavam longe dos olhos do pai.
E vieram a José dispostos a conseguir perdão de qualquer forma, mas o que eles ainda não tinham entendido é que um homem que possui Deus no seu coração não pretende nunca tomara o lugar dele e ficar julgando os outros, pois só quem pode julgar é Deus.
Ele além de garantir que não iria lhes fazer mal algum ainda promete sustentar a eles e todas suas famílias.
Eles ainda não haviam entendido o que era ser uma pessoa que sonha os sonhos de Deus.
E nós caminhamos para ser uma pessoa que sonha os sonhos de Deus? Ou será que sonhamos apenas os nossos?
Esta história pode ate parecer apenas uma história de uma pessoa que sofreu muito e venceu, mas para mim esta passagem bíblica é o retrato do que Deus pode fazer na vida de uma pessoa, mesmo essa pessoa estando nas situações mais difíceis, Deus nunca a abandona, ele sempre esta trabalhando para sua vitória, mesmo que humanamente pareça sem sentido, para Deus o importante é nossa salvação, ele quer nos ver a todos moradores do céu basta aproveitarmos a oportunidade que ele nos deu e tomarmos posse do que é nosso.
Opa! Já ia esquecendo de dizer o que ele espera de nós para irmos morar no céu, ele espera apenas que confessemos que aceitamos o Senhor Jesus como nosso único, suficiente e salvador de nossas vidas, se o que você quer é ser um morador celestial faça esta confissão porque ele esta te esperando.
E não se esqueça aprenda a sonhar os sonhos de Deus em sua vida, mesmo que venham momentos difíceis, você vencerá.
Ficamos por aqui, mas em breve voltaremos, fiquem na PAZ DO SENHOR.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...