quarta-feira, 5 de outubro de 2011

O tabernáculo de Deus.

O tema que escolhi para falarmos hoje é um tema de extrema importância em nossas bíblias, mas apesar disso não ouvimos muito se falar sobre ele, hoje falaremos sobre o tabernáculo.
Deus mandou que se construísse ele enquanto o povo caminhava pelo deserto para ser um local de adoração do povo eleito de Deus.
Como veremos sua estrutura não era fixa, pois cada vez que Deus ordenava que o povo se movimentasse ele era desmontado e seguia junto com eles, quando parava ele prontamente era montado, e não podia ser qualquer pessoa para carregá-lo Deus encarregou determinadas pessoas para montar desmontar e carregá-lo, quem construiu o primeiro templo fixo foi o rei Salomão.
Comecemos do inicio então.

Porque foi construído?

Deus após retirar seu povo do Egito após mais de 400 anos de escravidão, da à ordem a seu servo Moisés para que construísse um local onde ele pudesse habitar no meio do seu povo, (na verdade não era Deus em pessoa, mas sim sua glória, ou como chamavam a sua Shekinah, a glória do Senhor).
O povo estava ali no meio do nada e não podiam ficar sozinhos, pois no deserto durante o dia é muito quente e a noite é um frio insuportável, portanto sozinho todo aquele povo juntamente com seus animais não teriam muitas chances de sobreviver sem a presença de Deus.

Como foi construído?

(Êxodo 25:1) - ENTÃO falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
(Êxodo 25:2) - Fala aos filhos de Israel, que me tragam uma oferta alçada; de todo o homem cujo coração se mover voluntariamente, dele tomareis a minha oferta alçada.
(Êxodo 25:3) - E esta é a oferta alçada que recebereis deles: ouro, e prata, e cobre,
(Êxodo 25:4) - E azul, e púrpura, e carmesim, e linho fino, e pelos de cabras,
(Êxodo 25:5) - E peles de carneiros tintas de vermelho, e peles de texugos, e madeira de acácia,
(Êxodo 25:6) - Azeite para a luz, especiarias para o óleo da unção, e especiarias para o incenso,
(Êxodo 25:7) - Pedras de ônix, e pedras de engaste para o éfode e para o peitoral.
(Êxodo 25:8) - E me farão um santuário, e habitarei no meio deles.(AA)

Como pudemos perceber acima nesta parte que lemos que Deus ordenou que o povo trouxesse ofertas para que ele fosse construído, portanto o tabernáculo foi construído com materiais que o povo possuía, pois quando saiu do Egito a palavra nos mostra que eles despojaram os egípcios e trouxeram consigo muitas pedras preciosas e agora Deus pede uma oferta alçada ao povo.
As ofertas alçadas são ofertas para fins específicos no caso à construção do tabernáculo, e note também que ninguém é obrigado a contribuir, ela é uma oferta voluntária, cada um da segundo o seu coração, alias ate hoje ainda deve ser assim, oferta não pode ser por meio de pressão e sim como causa de um coração quebrantado.
Se continuarmos lendo o texto mais a frente veremos que nada faltou, pelo contrario, foi ate necessário pedir para cessarem com as ofertas que elas já eram mais que necessárias, outro ponto interessante quanto a construção do tabernáculo é que todo esse material era bruto e para que isso tudo se tornasse no local onde a glória do Senhor iria habitar era necessário trabalhar a madeira, moldar os metais e tantas outras tarefas, era necessário pessoas capacitadas para realizar a obra.
E aqui aprendemos uma grande lição para nossas vidas, vivemos pensando que nunca seremos capazes de realizar a obra que o Senhor nos deus para realizar, meus amados aprenda com este texto quando o Senhor manda construir o tabernáculo pede que o povo doe os materiais ele também capacita pessoas para fazer o trabalho, a prova disso esta em (Êxodo 31:1) - DEPOIS falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
(Êxodo 31:2) - Eis que eu tenho chamado por nome a Bezalel, o filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá,
(Êxodo 31:3) - E o enchi do Espírito de Deus, de sabedoria, e de entendimento, e de ciência, em todo o lavor,
(Êxodo 31:4) - Para elaborar projetos, e trabalhar em ouro, em prata, e em cobre,
(Êxodo 31:5) - E em lapidar pedras para engastar, e em entalhes de madeira, para trabalhar em todo o lavor.
(Êxodo 31:6) - E eis que eu tenho posto com ele a Aoliabe, o filho de Aisamaque, da tribo de Dã, e tenho dado sabedoria ao coração de todos aqueles que são hábeis, para que faça tudo o que te tenho ordenado.(AA)
Observe como o Senhor é enfático com Moisés ao dizer quem vai fazer toda a obra do tabernáculo, não serão pessoas comuns, mas serão pessoas cheias do espírito de Deus, pessoas que sabem ouvir a voz do Senhor, o texto deixa bem claro que todo o conhecimento que esses homens possuíam para construir o tabernáculo não vinha deles, mas sim de Deus que provinha toda a sabedoria e habilidade para construir todos aqueles objetos, que, diga-se de passagem, não eram lá muito simples de se fazer.
Mas o nosso Deus não quer pessoas prontas que saiba fazer do jeito delas ele quer pessoas de coração puro que deixe ele habitar ali e dirigir seus propósitos na vida dos filhos seus.

Qual o seu significado?

Quando falamos do tabernáculo do Senhor ali no deserto sempre precisamos ter em mente que tudo que havia ali no tabernáculo era sombra de Jesus, cada objeto que ai fora colocado apontava para Jesus, com o tabernáculo Deus estava começando a mostrar ao seu povo tudo o que ele iria fazer por eles.
Como veremos a seguir cada objeto ali estava revestido de um enorme valor, vamos analisar cada um deles do que eram feitos e qual o seu significado para o povo.

Os materiais usados.

Como eu já disse anteriormente cada material usado na construção do tabernáculo não foi escolhido aleatoriamente, cada um deles tinha o se significado, vamos a eles.

Ouro- o ouro ali no tabernáculo indica divindade,
Prata- a prata ali indica a redenção nosso redentor é Jesus.
Bronze- indica sofrimento, Jesus sofreu na cruz para nos salvar.
Azul- nos mostra Jesus o filho de Deus
Púrpura- indica realeza e nos mostra o Jesus Rei.
Carmesim ou escarlate- um vermelho vivo que nos mostra Jesus salvador.
Linho fino- mostra o homem prefeito que é Jesus.
Pelos de cabras- representava o profeta, observe que já lá no testamento João batista andava vestido de peles.
Peles de carneiro tingidas de vermelho- representava o sangue do cordeiro derramado, o nosso cordeiro é Jesus que derramou seu sangue por nós.
Peles de texugos (ou como alguns traduzem de golfinhos)- uma pele que olhada de longe não tem aparência nenhuma de beleza, quando Jesus foi crucificado vemos isso na declaração no livro de Isaías que nele não se via beleza alguma.
Madeira de acácia- o corpo incorruptível que só Jesus possui, a madeira de acácia era uma madeira extremamente resistente, por isso seu uso nobre na arca.
O azeite- fala sobre unção, e Jesus é o ungido do Senhor em nossas vidas.
As especiarias e as pedras de adoração representam nós que somos a igreja de Cristo.
Pode parecer estranho aplicar a nós o conceito do tabernáculo, mas não é se nos lembramos que tudo que havia ali eram figura e sombra de Jesus, que é real, tudo o que era praticado ali era imperfeito porque era realizado por homens, mas Jesus é o sacrifício perfeito.
Continua....
Ate breve fiquem na PAZ DO SENHOR.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...